Algum dia, o sexo será bom?

Algum dia, o sexo será bom?

 

A cura é o resultado normal do tratamento do vaginismo.

O intercurso sexual prazeroso sem dor pode ser obtido para a maioria das mulheres no processo de superação do vaginismo, porque o vaginismo tem taxas de sucesso altas de tratamento. O prazer não é realmente possível quando a dor está presente. A eliminação da dor é o primeiro passo necessário no processo de receber prazer sexual. Às vezes, é difícil imaginar que o sexo possa ser prazeroso quando a mulher tem espasmos, dor, ardência ou penetração impossível. Cada história de recuperação é diferente, mas na maioria dos casos, há uma ‘fase de transição’ à medida que os casais fazem a transição para o intercurso sexual sem dor e em seguida para o intercurso sexual com prazer.

Algumas mulheres têm uma experiência inesperada e começam a ter prazer imediatamente, enquanto outras podem levar mais tempo e precisar de mais prática para fazer a transição para prazer completo depois do desaparecimento da dor e das dificuldades. Nas fases iniciais do intercurso sexual, os sintomas podem variar conforme o dia, dependendo dos níveis de estresse, questões do relacionamento, condições físicas, estados emocionais, ciclos menstruais, etc. Pode levar um pouco de tempo, mas os casais que concluem o tratamento com bons resultados normalmente passam a ter uma intimidade prazerosa e intercurso sexual com total liberdade. O intercurso sexual se tornará uma experiência positiva sem os aspectos negativos e o casal poderá ter uma vida sexual completa, prazerosa e sem dor.

Observe que é importante que os casais pratiquem intercurso sexual regularmente após o tratamento do vaginismo. Isto dá à mente e ao corpo da mulher a oportunidade necessária de criar memórias de músculos. Manter intercurso sexual regular também ajuda os casais a ‘sintonizar’ a experiência sexual para melhorar e aprimorar a experiência contínua de prazer.

Pin It on Pinterest

Share This